27
jun. 2017

Cittati realiza workshop sobre gratuidades no transporte público

By Fábio Tanniguchi |   0 comments

Workshop: Gratuidade no Transporte Público

A legislação exige que as empresas de transporte público coletivo de passageiros concedam isenção e/ou cobrança diferenciada de tarifas para deficientes, idosos e estudantes. Por outro lado, é clara a dificuldade de identificação das fraudes na concessão e manutenção desses benefícios. Neste contexto, a Cittati promoveu no dia 31 de Maio o workshop com o tema “Discussão sobre a gratuidade no transporte público”. No workshop foi apresentado as ações de redução de fraudes da gratuidade aplicadas em Recife e os palestrantes apresentaram novas aplicações tecnológicas em serviços de cadastramento.

Combinando tecnologia e processos, a apresentação do projeto Triagem de Deficientes no Transporte Gratuito, que promove exames médicos periciais aos beneficiários inscritos como deficientes para a gratuidade no sistema de transporte público coletivo de passageiros. Esse projeto procura identificar fraudes e concessões indevidas e, assim, verificar a existência ou não dos requisitos necessários ao enquadramento legal.

A implementação do projeto em Recife acarretou na redução de mais de 55% dos benefícios concedidos inadequadamente. Benefícios que, em primeiro lugar faz valer o direito aos deficientes garantido por lei e que abrange aqueles que realmente são os beneficiários, tornando o processo mais justo. E em segundo, a economia e valorização de recursos materiais para as empresas operadoras do transporte público coletivo.

Esse atendimento pericial passará a ser agendado previamente no aplicativo CittaMobi. Para os cidadãos agendarem as consultas, bastará acessar o aplicativo, preencher a ficha e tirar foto dos documentos. O resultado da perícia também será informado através do aplicativo para o cidadão.

Seguindo as discussões apresentadas, o público foi levado a uma reflexão sobre tecnologia aplicada no ecossistema da mobilidade urbana, mostrando as possibilidades trazidas pelo CittaMobi para auxiliar nos processos pertencentes à esta temática.

Um dos insights foi mostrar o quanto a tecnologia já faz parte do cotidiano de cada um e que há uma convergência simbiótica entre a vida off-line e online. Pesquisas indicam que há uma média de 198 milhões de smartphones no Brasil e este número tende a aumentar significativamente nos próximos anos. Mas afinal, o que isso tem a ver com a mobilidade urbana?

Quando o assunto é cidades inteligentes, a base que movimenta toda a tecnologia empregada e as tomadas de decisões assertivas é a gestão eficiente de dados. E esses dados, parte vem de equipamentos embarcados nos ônibus, e parte são gerados através da interação com os cidadãos através de aplicativos como o CittaMobi, que tem por objetivo oferecer serviços voltados para as cidades e a mobilidade urbana.

Outro ponto importante a ressaltar sobre esta reflexão é que a tecnologia vem trazer inúmeros benefícios, como melhoria de processos e melhor controle de dados, além de auxiliar na redução de custos, como o case citado anteriormente sobre redução de fraudes.

Falando sobre plataforma para as cidades, o CittaMobi oferece 3 principais serviços que são: Serviços Digitais, que englobam cadastro, agendamentos, digitalização de documentos, atendimento remoto, recarga do bilhete eletrônico, entre outras soluções. Na linha Anti-Fraude (gratuidades), oferece soluções integradas para a redução de custos e no quesito Comunicação, há soluções voltadas para a interação direta com o cidadão com informativos, pesquisas, e na base de segurança, há o botão de incidente grave que é um grande aliado do cidadão como uma ferramenta de apoio em situações de insegurança.

Em resumo, todas as discussões do workshop mostraram como a tecnologia é necessária e traz inúmeros benefícios a cidades, empresas e cidadão.

Os comentários estão desativados.